Você sabe para onde vai? Defina seu destino!

Sou apaixonado pelas perguntas, porque delas saem as respostas que precisamos.

“O que te impede?” Essa pergunta é uma das minhas prediletas, por ela ir direto ao inconsciente das pessoas que são surpreendidas por essa maravilhosa questão e porque, como descobriu a neurociência, é no inconsciente que residem as nossas emoções e o comando das nossas ações.

Vejo muitas pessoas se escondendo do sucesso, das realizações, dos próprios sonhos, praticando o suicídio silencioso e invisível da autossabotagem, com medo muitas vezes, não do fracasso e da desilusão, mas do próprio sucesso.

Algumas sofrem da pistrantofobia, que é o medo de confiar em algo, alguém ou em si mesmo, por conta de desilusões no passado, por conta de não ter obtido o resultado desejado em alguma aposta que fez em algum momento da vida.

Outras pessoas sucumbem à opinião alheia, dos ladrões de sonhos, talvez os mais cruéis de todos os roubos, aquele em que uma pessoa diz para a outra: “você não pode”, “você não consegue”,” isso não é para você”, “você não é capaz”, etc. Pior que ouvir algo assim, é acreditar em algo assim.

Tão cruel quanto quem diz isso a alguém, é aquele que assassina os próprios sonhos por decidir viver as palavras do outro, ou seja, seguir quem nunca visitou seus desejos mais íntimos, quem não conhece sua força interior, não sonha os seus sonhos, ao invés de viver uma vida plena de realizações, com algumas desilusões é claro, afinal, isso faz parte da trajetória, mas não impede a vitória dos que acreditam nos próprios sonhos.

O triste é que, muitas vezes, os ladrões de sonhos são as pessoas que mais nos amam, matando os sonhos das pessoas amadas não por maldade, mas por falta de informação, por desejo de querer o bem para o outro.

Cuidado, defenda seu sonho ao mesmo tempo em que não mate o de ninguém.

Muitos pais querem escolher a profissão, o curso, o trabalho dos filhos. Quando tentam decidir minha vida costumo dizer: “Ok, isso é o que você quer que eu realize na minha vida. Você perguntou o que EU quero realizar na minha vida ???”. Pense nisso.

Digo que, para realizar o que se deseja, é necessário responder algumas perguntas que norteiam a vida e a caminhada de todos, afinal, como diz essa frase que muito uso, “a estrada do algum lugar leva a uma cidade chamada lugar nenhum”, se não sabemos para onde vamos, podemos chegar a qualquer lugar, até mesmo um lugar indesejado…

Vamos às perguntas:

O que??? – Aqui se descobre o alvo, o que queremos, o ponto de chegada.

Por que??? – Essa questão revela os nossos motivos. Não fazemos nada sem motivo. Essa pergunta motiva a ação, enfim, traz a motivação. Nela, descobrimos e visualizamos como nos sentiremos ao alcançar o sonho, ampliando nosso desejo de atingi-lo, definindo quem se beneficiará da nossa vitória além de nós mesmos, o que sentiremos, ouviremos e veremos no momento da vitória tão sonhada, ou seja, é a resposta que nos colocará em movimento.

Beneficiará outras pessoas??? – Quanto mais pessoas beneficiadas, mais forte será a possibilidade de realização. O Universo conspira a favor de quem está em equilíbrio com ele.

Como??? – Nessa pergunta, começamos a desenvolver a estratégia, por onde começar, onde conseguir o apoio necessário, etc.

Quando??? – Colocar uma data significa comprometer-se com a realização dos objetivos, porque tendo uma data e datas intermediárias para aferição dos resultados, permitimo-nos mensurar se estamos ou não no caminho para realizarmos o sonho, se estamos atrasados ou adiantados no planejamento, enfim, a assinatura do contrato, do compromisso que assumimos conosco.

Quais meus pontos fortes e pontos a serem desenvolvidos??? – Ao obter essa informação, você mapeia suas qualidades fundamentais que serão utilizadas e empenhadas para alçar voos ao sucesso e desenvolve o que falta para completar-se em excelência.

Com quem??? – Aqui, encontraremos as pessoas, instituições, cursos, aprimoramentos e tantas outras respostas necessárias para sabermos, exatamente, o que precisamos em termos de apoio para a conquista.

O que busco é ético e moral??? – De forma clara e concisa, digo que essa resposta só pode ser afirmativa senão, de nada vale um sonho.

Enfim, a PERGUNTA MÁGICA:

O QUE TE IMPEDE???

Após essa resposta, é abandonar o sofá da “zona de conforto” e percorrer a estrada que leva à cidade chamada “FELICIDADE”.

Boa caminhada!!!

Quer mais informações sobre o desenvolvimento humano??? O que te impede???

Luciano Campos

no replies

Leave your comment